Escolha uma Página

Instalação de Energia Solar

Oferecemos toda linha de produtos, serviços e soluções em energia solar

Vantagens:

Ecológica: Como a fonte da geração de energia o sol não gera emissão de gases (caso termoelétricas); não necessita fazer represas enormes, com alagamento das várzeas, o aumento no nível dos rios e da temperatura local para armazenamento de água (caso hidrelétricas); não utiliza elementos químicos altamente tóxicos e contaminantes como urânio (caso usina nuclear).

Relação entre algumas fontes de energia x geração:

  • Um quilo de madeira produz 2 kWh; a mesma quantidade de carvão produz 3 kWh e de óleo 4 kWh. Se usarmos 1 metro cúbico de gás natural teremos 6 kWh. No entanto, se usarmos 1 quilo de urânio, vamos obter 60 kWh.
Instalação de energia solar
  • Apenas uma placa solar de 550 Watts gera aproximadamente 2,26 KWh no dia (considerando 6 horas de radiação solar e perda de 20% da eficiência da placa) durante 25 anos, que é o tempo médio de vida útil do módulo.
  • Econômica: O custo da energia solar fotovoltaica é “fixo”, não tem aumento anual nem está sujeito a variação horo sazonal nem a horário de ponta e fora de ponta. Além do investimento, como já foi dito, o projeto solar se financia em até 7 anos, com carência de até 4 meses e sem entrada!

Payback

O custo de instalação de um sistema solar de energia fotovoltaica não é considerado despesa, mas sim INVESTIMENTO, uma vez que existem financiamentos que contam com juros abaixo dos praticados normalmente no mercado (incentivo do governo). Assim, é feito um estudo que contempla o consumo em KWh e o valor em R$ pago pelo consumo, de maneira que o valor do investimento feito no sistema solar tem retorno entre 3 a 5 anos.

ENERGIA SOLAR

Nós temos soluções inteligentes

logo

O que é

Energia solar fotovoltaica é a energia obtida pela conversão direta da radiação solar em energia elétrica. Essa conversão é realizada pelas placas solares fotovoltaicas, compostas por material semicondutor, normalmente o silício.

Ao incidir sobre as células das placas solares, a luz solar provoca a movimentação dos elétrons do material condutor transportando-os até serem captados por um campo elétrico (formado por uma diferença de potencial existente entre os semicondutores). Dessa forma, gera-se eletricidade.

Constituído por placas fotovoltaicos (também chamados de módulos solares), inversor fotovoltaico e componente de proteção elétrica (string box), o sistema fotovoltaico não exige um ambiente com alta radiação solar para funcionar.

Essa forma de obtenção de energia, uma das mais promissoras atualmente, vem crescendo cada vez mais em virtude da redução dos preços e dos incentivos oferecidos para que os países adotem fontes renováveis de energia.

Como funciona

A radiação solar é captada pelas placas solares que transformam a energia solar em energia elétrica, tensão contínua (VCC). Essa tensão contínua entra no inversor fotovoltaico que a converte em tensão alternada (VCA) e injeta essa tensão na rede elétrica em que está conectado, alimentando assim os equipamentos elétricos ligados na rede.

 

instalar placa solar

Características do Sistema de Energia Solar

Como já foi dito, o sistema solar é composto basicamente por módulos ou placas solares, o inversor cc/ca e componentes de proteção. Outra característica diz respeito ao medidor de energia da concessionária (relógio de luz).

Os medidores de energia utilizados pelas concessionárias de energia são UNIDIRECIONAIS, ou seja, medem a energia que “entra” na unidade consumidora. Ocorre que na geração de energia do sistema solar fotovoltaico haverá situações em que a energia gerada é maior que a energia consumida.

Podemos citar como exemplo uma fábrica que funciona de segunda à sábado. Nos dias de domingo o sistema irá gerar energia elétrica que não será consumida. Esta energia não é perdida.

No processo de homologação do sistema solar, junto à concessionária, é feita uma solicitação para a troca do relógio de energia. O medidor UNIDIRECIONAL é substituído por um medidor BIDIRECIONAL.

Este novo medidor registra a energia que entra e que saí. Ou seja, a energia gerada e não utilizada é injetada na rede elétrica da concessionária passando pelo medidor bidirecional que registrará a energia “devolvida” à rede da concessionária, gerando um crédito de energia ao consumidor.

Este crédito poderá ser utilizado para o abatimento da conta de luz em outro endereço, desde que tenha o mesmo CNPJ ou CPF da conta e seja a mesma concessionária em que os créditos foram gerados. Caso não tenha outro lugar para abater o crédito, ele tem a validade junto a concessionária de até 60 meses.

× Como posso te ajudar?